L'Oréal Brasil

Veja os destaques da L’Oréal Brasil na imprensa com o programa "Para Mulheres na Ciência"

Em outubro, a 16ª edição do programa Para Mulheres na Ciência premiou sete mulheres cientistas, com uma bolsa de R$ 50 mil, com o objetivo de empoderar jovens cientistas para que possam continuar investindo em suas pesquisas, relacionadas às áreas da Matemática, Física, Química e Ciências da Vida.

O programa é uma parceria da L’Oréal Brasil, UNESCO no Brasil e da Academia Brasileira de Ciências (ABC), que reafirma o compromisso em promover um ambiente científico com mais igualdade de gênero.

Veja os destaques! Confira abaixo as matérias na íntegra:

marie claire

Para Mulheres na Ciência: conheça as pesquisadoras vencedoras de 2021

A Marie Claire apresentou as sete laureadas e listou os projetos e as pesquisas que cada uma está envolvida.

Leia a matéria na íntegra

galileu

Conheça as 7 cientistas premiadas no Para Mulheres na Ciência 2021

Galileu apresentou os estudos e as trajetórias de cada pesquisadora premiada em 2021, escolhidas pelos jurados que avaliaram mais de 300 projetos de mais de 40 universidades brasileiras.

Leia a matéria na íntegra

superinteresante

Para Mulheres na Ciência 2021: conheça as pesquisas vencedoras do prêmio

Super Interessante destacou as áreas de pesquisa das laureadas e como seus estudos estão ajudando a transformar o futuro através da ciência.

Leia a matéria na íntegra

globo

'O desequilíbrio ambiental afeta a nossa saúde muito mais do que se pensa', diz pesquisadora.

O Globo traz entrevista com a veterinária e ganhadora do Para Mulheres na Ciência 2021, Liliam Catenacci e destaca sua pesquisa de “Saúde Única (One Health)”, conceito que trata da integração entre a saúde humana, a saúde animal e o meio ambiente.

Leia a matéria na íntegra

bom dia pe

Professora da UFPE vence prêmio Para Mulheres na Ciência

O Bom dia Pernambuco entrevistou a Doutora em Estatística, Fernanda de Bastiani, laureada na categoria Ciências Matemática, para falar sobre a sua pesquisa que ajudar a compreender a variabilidade espacial da Covid-19 em Pernambuco. "Cada uma tem sua história, sua dificuldade pelo fato de ser mulher, então é um incentivo a mais.", disse Fernanda de Bastiani.

Assista na íntegra